BOLSONARO CONFIRMA PROMESSAS DE CAMPANHA E PEDE PACTO NACIONAL

Jair Bolsonaro,  com 39% dos votos válidos mas que detém 65% de confiança de que fará um ótimo governo, tomou posse com um discurso confirmatório de todas as promessas de campanha.

Mencionou duas vezes a corrupção como grande inimiga a ser vencida. Numa casa de trocas de favores políticos reiterou que não as tolerará.

Um pacto nacional entre os três poderes da Republica é o caminho apontado.

Para isso outra palavra forte que mencionou em sua fala foi irresponsabilidade:  fiscal, ideológica e nas relações internacionais.

Uma nova era de ética e transparência nos negócios públicos se iniciará – garantiu.

Mas teve que ouvir os alertas do discurso do senador Eunicio Oliveira, presidente do Congresso, de que terá que respeitar a independência dos poderes. O voluntarismo termina onde começa a Constituição.

Uma bela aventura democrática começou. Vamos acompanhar Bolsonaro, agora presidente de todos os brasileiros, como se sairá.

0 visualização