BRASILIA RETOMA ANTIGA MÍSTICA DE CENTRO POLÍTICO DA AMÉRICA LATINA

Darcy Ribeiro imaginou Brasília como centro nervoso da América Latina, e para isto criou a Universidade como polo irradiador de cultura para atrair estudantes de todo o continente e irradiar uma civilização brasileira.

Mas a UnB é hoje o símbolo reverso, de tão decaída, tanto quanto decaíram os sonhos, os projetos e os planos.

Há sempre um novo tempo. Um novo ciclo se inaugurou em Brasília, que volta a ser centro político de importância, como constatam a visita do presidente Maurício Macri, suas declarações de alta octanagem aqui feitas e a presença de membros da oposição venezuelana para encontrar uma saída para o vazio de poder em seu país.

Se as manifestações de Macri tivessem sido proferidas em Buenos Aires não teriam repercutido tanto.

Some-se a elas a reunião havida hoje entre Bolsonaro com Miguel Ángel Martín, do Supremo venezuelano no exílio, e Gustavo Cinose, representante da OEA, para tentar encaminhar uma solução para a Venezuela.




1 visualização