CAFÉ NA AERONÁUTICA NÃO APLACOU RUÍDOS ENTRE FORÇAS ARMADAS









Da Coluna do Estadão:

Mudança de planos.

Generais do Exército se disseram decepcionados com a sinalização de que o Ministério da Defesa pode ser comandado por alguém da Marinha.

Comentário da CARTA POLIS: nesta coluna, já havíamos informado nossos leitores que a escolha de um almirante para o Ministério da Defesa, como foi anunciado, provocou ruídos no relacionamento entre as forças armadas, sobretudo na Aeronáutica, força mantida à margem até agora.

A especulação teria levado o presidente eleito Bolsonaro a marcar ontem o café da manhã com o comandante da Aeronáutica.

Parece que a cafeína não acalmou os ânimos.











1 visualização

Posts recentes

Ver tudo