CARGOS REGIONAIS SERÃO BARGANHA PARA APROVAÇÃO DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA

A entrevista do ministro Onyx Prenzoni deixou subentendido  que o governo Bolsonaro demorará um pouco mais a liberar a indicação pelos ministros dos milhares de cargos regionais.

São presidências, diretorias, superintendências, delegecias e representações  estaduais dos órgãos federais dos ministérios, estatais, autarquias, fundações e institutos.

Onyx deixou entrever que o governo aguardará mais um pouco para que cada ministro receba o sinal verde para preencher esses milhares de cargos.

Para que essa demora? Para barganhar  a aprovação da reforma da Previdência.

Para manter sua promessa de campanha Bolsonaro dará os cargos a técnicos indicados pelos partidos que votarem lealmente na reforma da Previdência.

E isso deverá acontecer logo ali , em março ou abril, depois da reeleição de Rodrigo Maia para a presidência da Câmara.

Por que então sair agora nomeando a torto e a direito, antes do Carnaval que neste ano cairá em 3 de março?

1 visualização