CHUVAS ALAGAM MUSEU CASA DO PONTAL NO RJ

Atualizado: Mar 6

Por LEO LADEIRA

Instituição reúne o mais importante acervo de arte popular do país.

As fortes chuvas que atingiram o Rio de Janeiro a partir do último sábado (29) causaram pelo menos cinco mortes, vias alagadas, casas inundadas e um rastro de destruição em diversas regiões da Região Metropolitana.


Além dos transtornos causados aos moradores do Rio, o temporal atingiu também o Museu Casa do Pontal, localizado no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste da capital.


O museu é formado por uma valiosa coleção de arte popular brasileira, composta por cerca de 8.500 peças, entre obras de Mestre Vitalino, Zé Caboclo e Manuel Eudócio e mais de 300 artistas de vários estados do país.

Caminhando pelos corredores alagados do museu, com água na altura das canelas, o diretor da instituição, Lucas Van de Beuque, procurava avaliar, na terça-feira (3), se alguma das peças de arte popular haviam sido danificadas pelo temporal.


Não foi a primeira ocasião que a Casa do Pontal é atingida pelas chuvas - esta é a oitava vez que o espaço sofre com enchentes. Os casos de inundações começaram depois da construção de um grande condomínio no entorno do museu, autorizado pela Prefeitura. As obras deixaram a casa um metro abaixo do nível da vizinhança, o que provoca os alagamentos.


Há quatro anos, Lucas luta para transferir o acervo da Casa do Pontal para uma nova sede, que está em obra num terreno cedido pela prefeitura do Rio. O espaço, na Barra da Tijuca, se tornou foco de um imbróglio que envolve, além do museu, o município e a construtora Calper. Para conseguir efetivar a mudança, o diretor da instituição criou uma campanha de financiamento coletivo. Em 2019, Lucas já havia recorrido a uma vaquinha online para reabrir o museu após quatro meses de portas fechadas, por conta da última inundação. A instituição tenta arrecadar R$ 1 milhão.


"Os prejuízos ainda estão sendo avaliados. O apoio de todos continuará sendo fundamental para levar esse importante acervo às futuras gerações", afirmou Lucas em entrevista ao jornal O Globo.

Museu Casa do Pontal - O Maior Acervo de Arte Popular do Brasil


A coleção do Museu Casa do Pontal foi criada pelo avô de Lucas, o arquiteto e designer francês Jacques Van de Beuque (1922 - 2000), que durante quatro décadas se dedicou a garimpar preciosidades da arte popular brasileira.


O museu conta com certificação da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e é considerado o maior e mais significativo acervo de arte popular do país.


O espaço, tombado como patrimônio cultural do Rio de Janeiro, funciona desde 1976 num sítio de 12.000 m² na Estrada do Pontal.



Foto abertura: Gabriel Monteiro/Agência O Globo

#leoladeira #museucasadopontal #unesco #patrimôniohistórico #turismocultural #cultura #riodejaneiro


Conheça o nosso articulista Léo Ladeira e leia outros artigos de sua autoria:

https://www.cartapolis.com/patrimonio-historico-turismo-cultur