CORONAVÍRUS E O HÁBITO

Atualizado: Abr 13

Por PAULO BEZERRA



Estamos vivendo uma pandemia de gripe. O que você está fazendo para se proteger? Utilizando álcool em gel? Cumprimentando as pessoas de forma diferente? Tendo ética para espirar/tossir. Enfim, você está mudando seus hábitos?


Se você não quer pegar a gripe? Proteja-se! Se você quer ter reservas para realizar seus sonhos e ter uma velhice tranquila, poupe!


Mude seus hábitos!


Espire perto do cotovelo, e não gaste sem pensar duas vezes. Cumprimente as pessoas sem beijinho, e pesquise o valor dos produtos. Passe álcool em gel nas mãos, e coloque suas economias num lugar seguro.


É necessário criar novos costumes para evitar gastar um real aqui, dois acolá e cinco sem nem pensar. Seja em uma pipoca no meio da rua ou no docinho que passaram vendendo no trabalho, sua carteira vai esvaziando!


O preço de uma pipoca na rua dá para comprar um saco de milho, um brigadeiro da sua colega custa o preço de uma lata de leite condensado.


Mas eu quero agora!


Eu preciso de um doce! Se você tem a tradição de comer um doce durante o expediente no trabalho, leve de casa uma caixa cheia. Planeje-se!


Sabe aquele parafuso frouxo, de vez em quando é necessário apertar? Com o hábito funciona no mesmo esquema, quando afrouxa apertamos até o hábito ficar consolidado em nossa rotina.


Automaticamente só passamos o sabonete no corpo depois de molhá-lo e primeiro destravamos a porta para em seguida abrir a maçaneta. Parece óbvio, mas isto é porque uma vez criado o costume fica moleza.


Se sua caixinha engorda, então, crie também o hábito de se dar luxos, aquele dia de cinema vai ter balde de pipoca e no dia de sua folga no trabalho vá àquela confeitaria de sua preferência.


Poupar não é se privar de tudo. É saber a hora e quando gastar e no quê aplicar. E estando seu porquinho bem gordinho isso permitirá que você separe parte para pequenos prazeres, que devem ocorrem esporadicamente, e não com dizem, “eu mereço mesmo” e sair gastando, principalmente o que não tem...


Depois de criado o hábito basta mantê-lo e sem perceber sua caixinha vai enchendo e seu porquinho engordando.


#paulobezerra #educaçãoparaoconsumo #economia #educaçãofinanceira #finanças #seudinheironacaixinha #consumo #coronavírus #pandemia #vírus


Conheça o nosso articulista Paulo Bezerra e leia outros artigos de sua autoria:

https://www.cartapolis.com/seu-dinheiro-na-caixinha