EM DUAS SEMANAS SENADO SUCUMBIU: QUINTA-FEIRA SEM SESSÃO DELIBERATIVA

Bastaram apenas duas semanas para o novo Senado, renovado pela metade, cair no mesmo facilitário do velho Senado.

Hoje, quinta-feira, não houve sessão deliberativa. Os senadores já tinham viajado para seus estados.

Certamente extenuados pela disputa incessante de cargos nas comissões e de badulaques administrativos.

Contribuição ao País, muito pouco nesses 15 dias, a não ser de uns poucos senadores que se revezaram na tribuna com todo o gás – ainda – da campanha eleitoral.

O presidente da casa, Davi Alcolumbre, que era uma esperança de renovar métodos, passa seus dias – trancado no  gabinete tricotando pequenos e grandes interesses corporativos de seus pares.

0 visualização