GENERAIS MENOS TENSOS QUE CIVIS NO GOVERNO EMERGENTE

Há uma nítida diferença entre os semblantes dos militares e dois civis que cercam o presidente eleito.

Os militares parecem mais seguros de si, e explicitam uma expressão serena. O exemplo é o general Augusto Heleno.

Os civis por sua vez ostentam pressa, rostos franzidos  e aquela típica expressão de senhores da razão pura que vão inventar a roda. Existem raras exceções mas o futuro ministro Paulo Guedes não está entre elas.

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo