GENERAL ESTREITA ALIANÇA ENTRE BOLSONARO E TOFFOLI

A experiência política do general  Fernando Azevedo e Silva foi preponderante para sua escolha como futuro ministro da Defesa.

O ex-chefe do Estado-Maior que também atuou no Congresso, como assessor parlamentar do Exército, ostenta trunfos pessoaias que viabilizam a orientação do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Para que o Exército e as Forças Armadas tivessem atuação política.

E mais, e principalmente: como atual integrante da assessoria direta do ministro Dias Toffolli, o  general será uma ponte permanente  ente do Palácio do Planalto e a Presidência do Supremo Tribunal Federal.

Nos momentos de tensão que se avizinham, essa ponte poderá ser a salvação da paróquia.

0 visualização