IBANEIS É NOVO PECADOR NA VELHA POLÍTICA DOS DESGARRADOS

Enquanto Bolsonaro mostra competência escolhendo técnicos para seu ministério – tudo cara nova, à exceção de Joaquim Levy no BNDES – o governador eleito do DF  Ibaneis Rocha junta-se à  velha política .

Logo começarão os escândalos – vaticinam experimentados observadores da cena política local, que já viram esse filme ser passado inúmeras vezes.

Além dois sinais visíveis de perigo à vista, somam-se os erros cometidos por Ibaneis nessa fase de transição.

Tal foi sua precipitação em tentar coordenar o Fórum dos Governadores, pois acabou levando uma rasteira do colega paulista João Dória.

Outra vertente de engano açulado pela “mosca azul” de aparecer,  foi sua vista ao presidente Michel Temer à qual levou dois filhos menores engravatados .

Ibaneis comete o pecado dos cristãos novos da precipitação. Devia ter aproveitado a grande votação para impor sua vontade ao entorno que o elegeu,  para mudar hábitos.

Não o fez. Preferiu o velho jogo da velha aldeia. Um truco desgastado.

0 visualização