IRMÃO DE PRESIDENTE NÃO PODIA TER CARRO AERO-WILLYS

Em 1966.o presidente Castelo Branco leu nos jornais que seu irmão, funcionário com cargo na Receita Federal, ganhara um carro Aero-Willys, agradecimento dos colegas funcionários pela ajuda que dera na lei que organizava a carreira.

O presidente telefonou mandando que ele devolvesse o carro.

O irmão argumentou que se devolvesse ficava desmoralizado em seu cargo.

O presidente Castelo Branco interrompeu-o dizendo:

– “Meu irmão, afastado do cargo você já está! Estou decidindo agora se você vai preso ou não”.

0 visualização