KAJURU DÁ TOM DE QUE SENADORES NOVOS NÃO DEIXARÃO BARATO

A revolta do goiano Kajuru ante o enterro  da CPI da Lava Toga sinaliza aos antigos que os novos senadores não deixarão barato ver passar à sua frente os velhos truques da velhíssima política. Esse último truque foi para ele o máximo do abastardamento do mandato parlamentar obtido nas urnas.

 “O STF não manda aqui e eu não sou funcionário do Gilmar”

Quer significar que os novos estão pouco dispostos a aceitar os jogos das cúpulas dos partidos, sobretudo os que mais temem a Operação Lava Jato e a antipatia dos ministros do STF.

Para dar nomes aos bois: dos senadores que têm processos pendentes s no STF no investigações em curso pela Polícia Federal.

0 visualização