MOURÃO SEM AGENDA HOJE VOLTA AO SILÊNCIO DOS VICES

Depois de receber em audiência na semana passada os principais líderes das centrais sindicais – CUT à frente – o vice-presidente Hamilton Mourão começa a semana como um tradicional ocupante do gabinete no anexo do Palácio do Planalto.

Apenas cumpre o papel de, pela Constituição ser o substituto eventual do presidente da República. Não é agente de formulação  de políticas governamentais .

Essa robusta agenda vinha sendo uma constante na semana passada. Empresários, diplomatas (muitos embaixadores), políticos, lobistas, sindicalistas e militares povoaram a rica agenda cumprida das primeiras horas da manha ás últimas da tarde.

Mourão terça regredido ao papel forma,  à luz de injunções de Estado, que lhe teriam sido transmitidas, dando conta do desagrado do presidente Jair Bolsonaro com as suas posições ?

1 visualização