PALÁCIO TEM QUE PROVIDENCIAR URGENTE MENOS RUÍDOS JUNTO AO GABINETE DO PRESIDENTE

Um governo que chega forte das urnas, como o de Jair Bolsonaro, não costuma perder muito tempo em pedir licença para ir fazendo: impondo sua pauta.

Surpreendentemente, porém, vê-se que os meses de transição entre um governo e outro não foram suficientes para que o atual elegesse uma pauta.

As discussões, em vez de terem cessado no Centro do Banco do Brasil se transferiram-se para dentro do conselho de ministros – novo nome dado às reuniões ministeriais.

E tome incongruências.  O ministro da Casa Civil sempre agiu com discrição. O modelo é Golbery, que operava nas sombras, atrás das cortinas.  O capitão precisa de um tempo com personalidades medianeiras por perto, que não lhe acrescentem ruídos.

Outro atributo necessário: que o chefe da Casa Civil se imponha naturalmente a todos os ministros que coordena, econômicos ou não.

1 visualização

Posts recentes

Ver tudo