Por Que Economizar? Assim eu Nunca Terei Nada!

Atualizado: Fev 17

Por PAULO BEZERRA


É comum escutar afirmações como: Se eu ficar sempre economizando dinheiro eu nunca terei nada! Então, não vejo o menor sentido em guardar dinheiro! Caixão não tem gaveta!


E...


Tudo o que eu deixo na minha caixinha me causou sacrifício de coisas que eu poderia ter feito ou possuído e fiquei só na vontade?


Este é o pensamento de muitos quando eu falo em não gastar. As pessoas não veem a razão de só acumular.


Quando em fui admitido no meu primeiro emprego, um colega, referindo-se às críticas que eu recebia em função do meu posicionamento em relação a dinheiro, me falou: “você economiza porque você precisará”.


Eu faço uma pergunta a você, estimado leitor: “e se eu só gastar, de onde eu vou tirar dinheiro numa emergência, por exemplo?”


Imagine a seguinte situação: Você está passeando no hipermercado e se depara com uma promoção relâmpago no autofalante anunciando aquela televisão de 55 polegadas que você não precisa, não tem dinheiro para comprar, nem tem espaço para colocá-la.


Mas mesmo assim você não resiste (você saiu de casa para comprar uma TV?) e compra parcelado com pequeeeenos juros, uma taxiiiinha que não pesa no bolso de ninguém! Se você não pode comprar à vista é porque você não pode comprar de jeito nenhum.


Espere e tenha paciência. O valor que você paga mensalmente adicionado aos encargos pagos permitirão que no futuro você tenha mais recursos, lembrando que produtos eletrônicos sempre caem de preço ao longo dos tempos, ademais, aquela sua televisão de 40 polegadas (ou 32) que será substituída ainda nem chegou ao meio de sua vida útil e acabará sendo vendida muito barato, ou ficará em outro cômodo que não precisa dela.


Ah... Para complementar... sugiro que você faça uma pesquisa da internet sobre a distância mínima que uma televisão deve ficar em relação a por exemplo, o seu sofá ou cama.


Provavelmente você descobrirá que para ter uma melhor qualidade de imagem, precisará de uma tela menor do que pensava.


Respondendo a dúvida que eu levantei no início sobre ser um sacrifício deixar de adquirir algo quando se deseja, respondo da seguinte maneira: sabe aquele valor pago a mais do que o valor à vista? Ele poderá ser utilizado para completar uma outra coisa que você deseja adquirir e também poderá ser utilizado em caso de eventuais emergências.


Então, quando você economiza você está apenas protelando a aquisição de algo que será comprado posteriormente com mais consciência e de qualidade superior ao comprado por impulso, e enquanto isso, você pode até pensar em ir a um bom restaurante ou naquele passeio, sempre sem aperto.


#paulobezerra #educaçãofinanceira #economia #finanças


Conheça o nosso colunista Paulo Bezerra e leia outros artigos de sua autoria:

https://www.cartapolis.com/seu-dinheiro-na-caixinha