“SE NÃO VOTARMOS EM FEVEREIRO, NÃO HÁ MAIS O QUE SER FEITO”

(Do deputado Arthur Maia, do PPS da Bahia e relator da Reforma da Previdência na Câmara, argumentando: Estamos em um momento decisivo. Não há como esperar. Ou vota ou tira e acaba com essa conversa.e não votarmos em fevereiro, não há mais o que ser feito. É a minha opinião”,segundo a Folha de S.Paulo)

0 visualização